Destaque

Procrastinar: Será que eu consigo parar?

Olá, como vai venha travel na maionese comigo!
Bom, como qualquer ser humano imperfeito, tenho meus defeitos, minhas falhas que não são poucas, e acho tão bom saber isso quanto saber suas qualidades é reconhecer ambos em si. Pois como diz Dalai Lama:“É muito melhor perceber um defeito em si mesmo, do que dezenas no outro, pois o seu defeito você pode mudar”.Pois bem, esta frase explica tudo, temos manias de julgarmos as atitudes e comportamentos daqueles que estão ao nosso redor, mas esquecemos de que nós temos que melhorar a nós mesmo, porque não vamos mudar os outros a mudança tem que partir de cada um individualmente. Então, eu percebendo isso tratei de listar meus defeitos e qualidades sendo sempre verdadeira pois isso é essencial para se ter melhoras significativas, eu vou deixar pra esse post somente a procrastinação em outros eu cito os demais e explico o que eu faço para melhorar e combater alguns comportamentos meus que eu não gosto nem um pingo.

Procrastinação, preguiça, deixa pra amanhã.
Procrastinação, preguiça, deixa pra amanhã.

Mais na real, O que é procrastinação? E será que você ai também não é procrastinador (a)?
Eu fui ao pai google procurar essas respostas e achei os seguintes resultados:
“Ato ou efeito de procrastinar, adiamento, demora, delonga.”
Visto isso procrastinar então é o “ato de adiar algo ou prolongar uma situação para ser resolvida depois”, mais precisamente “deixa pra amanhã” lembrei até da Anitta e o Projota cantando mulher “eu sei que teus problemas a gente tem que resolver mais deixa pra amanhã, deixa pra manhã”.

images (3)
Procrastinação, preguiça, deixa pra amanhã.

E então procrastinar é um ato normal ao ser humano, o problema é quando esse comportamento prejudica, ou impede o funcionamento de tarefas pessoais ou profissionais, ou seja, quando você deixa pra amanhã a tarefa que podia ou devia ser realizado com antecedência ou naquele momento. Por exemplo, eu apesar de me considerar sempre uma boa aluna enfim pelo aprendizado e tal, quando havia um trabalho para ser entregue na semana seguinte, eu sempre ia enrolando, enrolando e deixava ou lembrava, no dia da entrega do trabalho e acaba fazendo a atividade horas antes de eu começar a me arrumar para ir ao colégio, ou seja, isso me prejudicava, pois eu tinha bem menos tempo para caprichar na pesquisa, eu me estressava porque fazia na pressa, não me preparava para absorver o conteúdo, deixava passar alguns erros bem perceptíveis no trabalho, o tempo era meu inimigo. Enfim minha procrastinação era prejudicial na minha rotina escolar, mas para minha sorte eu meio que me adaptei a esse meu defeito e estilo de vida que desenvolvi uma habilidade de improvisação incrível ao ponto de quase nunca eu tirar nota baixa nas apresentações, há se alguém que estudou comigo por acaso estiver lendo isso, vai saber que eu apresentava muito bem, embora eu fizesse tudo na pressa, longe de querer me gabar eu prestava atenção demais na aula e absorvia tudo muito bem.

Preguiça, Homer Simpson!
Procrastinação, preguiça, deixa pra amanhã.

Voltando a procrastinação tive outras vezes em outras situações em que eu não me dei tão bem assim, esse ato me prejudicava e muito meu rendimento em praticamente todas as coisas que eu fazia, e só alertando e não duvidando de suas capacidades querido leitor, mais você não se livra totalmente desse ato do dia para noite, eu até hoje procrastino, mas não que nem antes, eu tenho minhas recaídas sim, porém assim que eu percebo volto ao que aprendi e me faz muito bem! Eai você me pergunta o que foi que eu aprendi? Bem, foi uma técnica chamada “Pomodoro”, desenvolvida por Francisco Cirillo em 1980. Neste método, a pessoa tem que dividir tarefas em períodos de tempo de 25min, chamados “pomodoro”, a cada um “pomodoro”, você deverá descansar ir beber alguma coisa que te relaxe em 5min, e retornando ao 2º “pomodoro”, a partir do 4º, você tem o direito de 30 minutos de repouso, para depois voltar a uma nova sequência.

Controle do seu tempo,
Sucesso, proatividade.

Então assim você consegui medir o tempo que você precisará para realizar determinada atividade, por exemplo, eu gasto 2 “pomodoros” para lavar os pratos e enxugar, 5 “pomodoros” para produzir um post. Enfim você pode ir moldando a quantidade de atividades que você pode fazer de acordo com o tempo gasto por cada uma na percepção que você tiver. Eai tem gente que vai perguntar Vixi! Tanto tempo assim você gasta para lavar os pratos? Minha resposta, chega aqui em casa, ai você vai ver que aqui suja tanto pratos quanto num restaurante lotado, por isso eu só conto 2 “pomodoros” só pra não ficar o dia inteiro na pia. Brincadeiras de lado.
Tenho outro probleminha além de deixar as coisas pra depois, quando realmente tenho que fazer me falta coragem, pra iniciar a tarefa e ai eu conto 1,2,3 e já! E começo a fazer, por que mais difícil que fazer é começar pelo menos no meu caso. Essa foi outra técnica que aprendi e uso, pela internet você vai encontrar inúmeros sites dando 10 ou mais passos para se livrar da procrastinação mais faça aquilo possível pra você e começe aos poucos nada de muito radicalismo. Eu mesma gostei desses dois porque são simples, fáceis de lembrar e aplicar. Tanto que criei esse blog, pois há anos eu planejei e tentei criar um blog mais eu sempre adiava a ideia deixando para segundo plano sempre que pensava em começar. Depois dessa técnica realizei várias coisas além desse blog e contínuo a melhorar, consistentemente de degrau em degrau. Pesquise mais se dedique mais e você também poderá sair dessa poltrona, desse sofá e começa a fazer o que realmente tem que ser prioridade pra que você melhore pois esse é meu objetivo mostrando minhas dificuldades e mostrando na prática como melhorar. Me conte se você procrastina, o que faz ou não para combater e compartilhe esse post com seus amigos que estão esquentando a bunda no sofá. E de quebra vou deixar um vídeo que também mudou meu jeito de agir, vá fundo e assista outros vídeos que vocês vão amar tanto que irão voltar pra agradecer!!! Deixa la no comentário do vídeo, que você veio desse blog pra ajudar na divulgação que eu agradeço!

Anúncios

Por que a aparência é mais valorizada, que a essência?

Olá,como vai? Venha travel na maionese comigo!
Nossa JÁ tem um tempinho que não posto nada por aqui.
Mas, para sair desse jejum resolvi falar de um assunto que me persegue a vida inteira! E que eu percebo desde muito novinha, que as pessoas sem generalizar valorizam a aparência de tal maneira que acabam por ignorar a essência, o parecer é mais aceito que o ser. Confesso que isso sempre mexeu comigo, pois nunca liguei pra aparência alheia seja ela, beleza física, matéria financeira, estilo, enfim a sua embalagem, sua capa.
O que me interessa e o que sempre me interessou é o que ela é por dentro, digo a sua essência, como ela se comporta sendo ela mesma, independente de opiniões dos outros, ou de sua aparência.
É sua personalidade,seu caráter, que eu levo em consideração, antes de iniciar ou querer ter uma amizade ou convívio com os outros.
Seja branco, negro, magro, gordo, feio, bonito, rico, pobre, mais algo que acho interessante é o por quê nos aproximamos de quem concorda conosco e nos afastamos de quem discorda. Confesso que quando mais nova eu fazia assim, mais com o tempo e a mente um pouco mais amadurecida, passei a tolerar mais próximo a minha pessoa quem pensava diferente de mim, não que antes eu não tolerava, eu não tinha um relacionamento como uma amizade, apenas falava por educação, quem pensava diferente de mim, não me interessava muito.
Porém, depois eu por algum motivo que não me recordo passei a enxergar que esses pontos de vistas eram essenciais para mim, não conhecer o diferente dos meus gostos, e interesses me tornava sempre igual. E eu sou uma pessoa que enjoa muito rápido as coisas, então o diferente me atrai, por sempre está conhecendo um outro mundo.
Voltando ao sentido do texto, prefiro pessoas que mostram sua alma ao invés do corpo! Que possuem conteúdo do qual possamos discutir e aprender, não gosto de ver que pessoas discutem por coisas inúteis que não o acrescentam em nada! E gostam de entrar em competição para se dizer melhor que outro.
Esse tipo de diálogo não me desperta interesse algum, apenas um tédio imenso, nesse caso prefiro ler meus livros que conversar com pessoas.
Que sejamos mais pessoas que tenhamos conteúdo, que se interessem em saber além do que passa na TV! Enquanto isso acontecer o preconceito, racismo, homofobia, será alimentado!
Em outro post, aprofundo mais esse pensamento!

Veja por que a política na cidade onde eu moro não funciona!

Comece a mudança onde você vive. Veja como:

Olá, como vai? Venha travel na maionese comigo!

Pra começar, todos nós sabemos da crise financeira e principalmente política que nosso país está enfrentando, mas eu não quero me aprofundar nessa parte, vou me concentrar principalmente na cidade onde eu moro e onde realmente todos vêem como funciona, a política na cidade. E de quem é a culpa por ela está sendo tão mal administrada. Creio que você saiba! Porém, vive pondo a culpa nos outros!

É isso mesmo a culpa é sua, é minha e de quem vive e aceita tal como ela está! É muito fácil achar um culpado que não seja a si próprio, temos essa mania de apontar erros alheios, mais nunca olhar para o nosso. Você vive reclamando de como a cidade está um caos, sem  segurança, saúde precária, a educação então nem se fala, mas é só isso que você faz RECLAMAR e além disso, acaba sempre dizendo que não pode fazer nada para mudar isso,que política não se discuti, que todos são ladrões, e que por isso você está desempregado e a cidade está do jeito que tá.

E a pergunta que eu lhe faço é: Você acha mesmo que só reclamando vai adiantar alguma coisa? Ou melhor ficar esperando com os braços cruzados vai melhorar alguma coisa? Se você disse que NÃO, já esperava por essa resposta, pois no fundo, no fundo você sabe que tem algo a fazer. E você que disse SIM, respeito sua opinião, mas já poupando seu tempo este não é um post pra você! Obrigado, de nada!.

Se você reclama é porque quer melhoras e na maioria das vezes, realmente você não sabe o que fazer e acha que política não é pra você! Venho neste post mostrar ações úteis e que você fazendo sua parte e não cometendo o que a maioria faz, com certeza vai contribuir para o desenvolvimento da sua cidade.

  1. Primeiro passo: Em épocas de eleições não se deixe levar por influências de outras pessoas, pesquise a fundo a vida e feitos positivos e negativos em relação a política, de cada candidato. Pois assim você evitará eleger um candidato que é um lobo vestido de cordeiro.
  2. Segundo passo: Não cobre dos candidatos privilégios pessoais e outras coisas, como consulta médicas, materiais para construções, dinheiro entre outras coisas. Pois depois você não poderá cobrar nada a ele, não venda seu voto! antigamente O “voto cabresto” ainda leva em conta, porque as pessoas não tinham tanto acesso a informação que nem hoje, eram deixadas levar por pura ignorância, mas hoje em dia não, tenho a impressão que mesmo com tanto acesso fácil a informação as pessoas são tão desinformadas.
  3.  Terceiro passo: Exerça seu papel de cidadão a corrupção no governo é um reflexo da sociedade, e ela só não ocorre la no congresso, mais no hospital quando médicos ganham dinheiro para trabalhar no SUS e não vão, firmam contratos com hospitais privados e super faturam com isso. Nas ruas quando guardas de trânsitos e policiais cobram dinheiro nas blitz para liberar motoristas inadequados com a lei. Enfim, cumpra seus deveres para cobrar seus direitos.
  4. Quarto passo: Cobre dos políticos, que estão no poder, e se estiver em época de eleição não acredite em promessas, tenha maturidade que as coisas não melhoram do dia para a noite, acredite em um político que tenha um plano a longo prazo para melhorar determinado problema e não em milagres prometidos, o trabalho é árduo e eles sabem que não vão resolver todos os problemas tão fácil como dizem, e se falam a verdade não ganham a eleição, porque nós eleitores queremos resultados imediatos e a realidade não condiz com a expectativa. Comece a frequentar a Câmara de debates políticos em sua cidade e cobrar frequentes por ações que beneficie a população por um todo, e não só a você.
  5. Tome a iniciativa, não espere pelos outros, seja ativo, não pense que não pode trazer resultados positivos para a sociedade. As pessoas vêem a política como um bicho de sete cabeças, onde não sabe o seu papel e também não procuram, não se limite abra fronteiras para a sua mente, quem quer mudança não pensa igual a todo mundo, pois os resultados sempre serão iguais. Porém ponha na pratica tudo o que aprender e pense no futuro das pessoas que você ama, e lute por aquilo que você acredita!

Esses foram cinco pequenas ações que você pode ter caso queira melhorar as coisas por onde você vive, para depois querer mudar uma nação. Espero que eu tenha passado um pouco pra vocês do que eu acredito que realmente faça a diferença, claro que esse assunto é muito complexo e em outro post eu coloco pontos mais elaborados e mais estudados sobre esse assunto.

Aceitação,autoconhecimento e amor próprio

Algumas dicas para você que quer conhecer a si mesmo.

Olá, como vai? Venha travel na maionese comigo!
Conhecer a si mesmo, não é só saber o que você gosta ou não gosta, não é só saber pra que lugar quer viajar ou o que quer ser na vida, é muito além disso. É buscar dentro de si as respostas para qual o mundo ja oferece e você não se identifica ou aceita por comodidade, é se perguntar “Quem sou eu” e saber que a resposta não é estática, que essa é uma questão que deve ser feita durante toda a sua vida. Encontrar a si mesmo é uma jornada, e não um destino, é um caminho que envolve tentativa e muito erro.
Se pergunte sobre suas crenças, sobre seus conceitos que absorveu com o convívio das pessoas onde foi criado, sobre o que você acha estranho, esquisito ou não .É fazer uma linha do tempo da sua vida sem voltar com emoções negativas é reaprender com os erros passados e saber que eles te ajudaram a ser quem é hoje, é literalmente uma viagem ao seu interior. Contudo vá no seu tempo e como diz Erich Fromm: “O autoconhecimento começa pela autoaceitacao. Aceite-se e se conhecerá melhor”.
Aprecie-se a si mesmo e assim poderá ser feliz. Compreenda-se!
E nessa jornada não tenho medo do sofrimento, pois a dor de alguma forma limpa a impureza do nosso coração , abri ele e tem um jeito de cicatrizar feridas que continuam a doer, apenas porque não foram cuidadas. E isso tudo nos leva a desenvolver uma inteligência interpessoal que nos ajudam a dominar as emoções e adequa-las as circunstâncias. Ao conhecer a si mesmo, suas relações internas e com os outros irão melhorar. Não esqueça de viver enquanto se conhece, veja o aprendizado como qualquer processo que expande o seu conhecimento da realidade. Aja de acordo com o conhecimento que você descobriu!
Enfim esse é um assunto muito complexo e peço um do seu tempo para ler este  meu blog pessoal onde conto um pouco de como anda esse meu processo de autoconhecimento, terminaremos com Aristóteles que diz: “conhecer a si mesmo é o princípio de toda a sabedoria”.

O QUE EU ACHEI SOBRE O SIGNIFICADO DE CANDANGO

Olá, como vai? Venha Travel na maionese comigo!

Na minha primeira publicação eu disse um pouco sobre mim e um pouco do motivo que me fez criar esse blog, mais eu tenho mais uma curiosidade pra falar. Eu ao pesquisar o termo candango (a) no nosso querido pai Google, vi alguns significados que confesso que eu não fazia ideia antes. Vi alguns significados mais elaborados e outros de ditos populares. Como:
“eram como os escravos chamavam os capitães os brancos”
“dita mulher feia, que se veste mal, desprezível”
Ou quem nasceu em Brasília descendente dos operários que construíram Brasília.
Disseram também que os nordestinos não gostavam de ser chamados de “peões”.Então começou de um modo preconceituoso qualquer que tenha sido a origem ou significado dependendo do caso. Quero aqui ressaltar que qualquer que seja o significado dessa palavra bom ou ruim tenho certeza que desconstruirei toda a negatividade que vier por detrás desta palavra. Seja pra você que a use e modo pejorativo não importa. Esse continuará sendo o nome do meu blog. Visto que usamos algumas palavras que discriminam ou ofendem outras pessoas as vezes sem perceber como termos racistas como morena, dia de preto, entre outros. Temos que desconstruir crenças enraizadas que menosprezam qualquer pessoa ou história de uma sociedade. Fico por aqui e em breve trago mais curiosidades minhas.
Enfim se você quiser da uma olhadinha onde achei os significados e sobre os termos e expressões racistas sendo ofensivas ou não aqui estão os links:
http://herancacandanga.blogspot.com.br/2009/11/significado-e-origem-da-palavra.html?m=1
http://www.dicionarioinformal.com.br/candango/
http://www.modefica.com.br/expressoes-rascistas/#.WbMgqr3Q9Ag

Apresentação um pouco sobre a criação do blog

Sobre mim:
Olá, como vai vocês? Venha travel na maionese comigo! Primeiramente já agradeço se você veio ler esse post. Sem enrolação meu nome é Yasmin, tenho 20 anos, moro com minha família ainda. Não sou casada nem tenho filhos.Escolhi esse nome para o meu personal blog, porque como nasci em Brasília, alguns amigos meu me apelidaram de candanga, moro atualmente na Bahia, porém tenho outros apelidos e por engraçado que seja minhas primas que moram em Brasília me chamam de baiana pelo sotaque. Uma curiosidade tenho dificuldade em manter um sotaque se eu passar uns 2 dias em uma cidade com dialéticos diferentes eu ja saio falando como se eu tivesse nascido no lugar hahaha Estranho, Quem mais é assim?

Outras curiosidades sobre mim, digo curiosidade porquê são coisas que quase ninguém saca de cara, amo ler tudo que seja do meu interesse, tudo mesmo por isso vem meu convite no início venha travel na maionese! Pois por gostar tanto de ler acabo escrevendo também não muito certo, mas sem problemas é um escape para minha pessoa pareço as vezes ou quase sempre está no mundo da lua hahaha pois pense numa pessoinha que anda aérea pensando sobre tudo até coisas sem nenhum sentido mesmo, isso pode acontecer numa conversa com uma amiga (o) e eu ir parar na lua e quando percebo ai eu volto no meio da conversa e acabo falando abobrinha, motivos de sobra para risos e “gastação”. Pense em tudo e sempre em busca de alguma solução pra tudo o que eu acho impossível e pense em uns pensamentos que só eu entendo e se tento explicar para os outros quase não sou compreendida, esse é um dos motivos dos quais resolvi criar este blog para eu compreenderer melhor minha pessoa, buscando um autoconhecimento e desenvolvimento também. Quero dividir com vocês meu modo de pensar e agir sobre diversos assuntos ao qual me interesso e se você se identificar legal, podemos bater vários papos .Me considero a mãezona do rolê quando saio com amigos mais novos ou próximo a minha idade, pois além de não gostar de correr riscos em vão, sou a mais ajuizada por incrível que pareça, não sou tão doida quanto pareço hahaha. E entre ambos amigos mais novos e bem mais velhos sou a QUE dá conselhos FODAs mesmo não tendo vivido muitas experiências. Acho que por que eu sempre gostei de amizades com pessoas muuuiiinnto mais velhas que eu, então desde muito cedo escuto desabafos de todos os tipos e isso serviu para que eu pudesse amadurecer em tais circunstancias sem precisar passar na pele vendo os exemplos de vida deles, como são meus amigos uns com idade até superior a do meus pais sempre me alertaram sobre diversas coisas que eles já passaram.
Tenho meu próprio jeito de pensar e agir, os outros acham até que eu sou tão auto suficiente assim, (Depende da situação!) Sempre tento por em prática aquilo que acredito, e aquelas lindas frases que vejo, só ganham valor as que forem praticadas, nada adianta postar lindas frases e agir totalmente diferente no cotidiano, apenas para pagar e bondoso, grato e inteligente nas redes sociais. Não concordo com isso, sou cheia de defeitos não nego, mas sempre tento ser sincera comigo mesmo, pois é a pessoa mais importante que merece o meu melhor todos os dias. Seja a razão da sua vida, mas não menospreze ninguém e pratique aquilo que você fala, pois só assim suas palavras terão valor!
Sei que na vida somos eternos aprendizes. Mais vamos ser alunos focados e não aqueles da turma da bagunça (nada contra), por que a vida não brinca! Estou aqui para aprender, com os conteúdos que quero passar pra vocês, quero ajudar nem que seja uma única pessoa. Dou minha lealdade a vocês, quero de verdade saber a opiniões e vocês, com os que concordam ou não, aceito críticas construtivas, para que eu possa melhorar!
Pra essa publicação não parecer um livro,estou ja acabando em outros posts eu darei mais detalhes, e agradecendo quem leu até aqui e pedindo pra você que queira me ajudar, curti minhas redes sociais, assim estará já contribuindo bastante!!!